Posts Recentes

August 3, 2017

July 27, 2017

Please reload

Enxoval do gatinho

July 27, 2017

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Lugar de gato é dentro de casa! Saiba porque!

July 20, 2017

 

Um assunto polêmico que vale a pena ser discutido! 

 

 

Muitos proprietarios simplesmente discordam por achar que o animal deve ser livre mas ainda não entendem os riscos a que são submetidos. Vamos então esclarecer o porquê de pensarmos dessa maneira!

 

Em muitas das minhas consultas me deparo com proprietários que deixam seus gatos terem acesso livre a rua e o pior é que geralmente o motivo dessas consultas são devido a problemas ocorridos nessas “saidinhas”.

Vivo dizendo que o gato tem metade do tempo de domesticação se comparado ao cão (de 6.000 anos pra cá), que são independentes e perpetuam características de seus ancestrais selvagens; Entretanto uma vez que estamos domesticando os felinos, eles estão sendo expostos a riscos que não existiam antes.

 

Ao sair de casa o gato está susceptível a adquirir infecções virais, que até o momento não existe cura, como a aids e leucemia felina. Essas doenças podem ser transmitidas de um gato para outro através de arranhões e mordeduras. Existem também inúmeras outras doenças que o gato pode adquirir em brigas, contraindo pulgas ou mesmo em matéria orgânica como as micoses profundas, que apesar de existir tratamento, muitas vezes é de difícil cura.

 

Além disso, quando dizemos que o gato deve ficar dentro de casa estamos falando de riscos de atropelamento, envenenamento, maus tratos e outras atrocidades que, na nossa sociedade de mentalidade ainda medieval, acredita que o gato traz mau agouro, azar etc. Não é preciso aprofundar nesse assunto e nem citar exemplos do que ainda se fazem com os gatos nos dias de hoje. Meu objetivo aqui é orientar sobre os riscos corre saindo á não ficar expondo cenas de horror para chocá-los e convencê-los da minha opinião.

 

Já que estamos falando em domesticação, devemos ter em mente que o gato ainda está passando por esse processo. Para ele não há diferença entre dormir em casa, na nossa cama ou sofá, e entrar em uma casa vizinha e fazer o mesmo! Para o gato é fácil o acesso a uma casa qualquer e o que ele está acostumado a fazer dentro da nossa ele fará em outra. Então, imagine o que acontece se nessa casa o dono não gostar de gatos???

 

 

Na nossa medíocre sociedade as pessoas se acham no direito de maltratar gatos porque eles “invadem” as suas casas; Se acham no direito de envenenar um gato ou apreender e “soltar longe” só porque o gato entrou dentro de sua residência. Os argumentos são os mais absurdos e desprezíveis como: “Coloquei o veneno no meu quintal quem mandou o gato entrar” ou “Faço o que quiser dentro da minha casa”, “Ele veio pegar meus passarinhos” e finalmente: “O dono que deveria tê-lo prendido em casa”. Pergunto então: fariam o mesmo com um cão? Os cães são envenenados com a mesma frequência que os gatos? Tenho certeza que não!

 

Não há duvidas que o melhor para o gato, ou qualquer outro animal, é ter uma vida livre para sair, passear e voltar para casa ileso mas, da mesma forma que prendemos nossos cães, devemos também prender nossos gatos! Principalmente gatos que estão os mais vulneráveis a maus tratos.

“Mas o gato é independente e deveria ter vida livre!”  Concordo! Mas só se você tiver bons vizinhos ou morar em um local onde não haja trânsito!

 

Vamos a mais uma diferença entre cães e gatos (não que deveríamos trata-los como semelhantes):

Já viu um gato atravessando a rua? Ele praticamente foca no outro lado da rua e dispara sem olhar para os lados! Existem cães que até esperam o semáforo fechar para atravessar!

Justamente por esse processo de domesticação você não vai ver um gato parado na calçada esperando diminuir o trânsito para atravessar a rua e pior: Se ele fizesse isso correria, mais ainda, o risco de ser mirado por um carro propositalmente para acertá-lo!

 

Portanto pessoal é possível sim manter um gato dentro de casa e com qualidade de vida! Para isso existem diversos brinquedos, arranhadores e brincadeiras que além de distrai-lo vai aproximá-lo ainda mais de você!

É normal que o gato durma 16 horas por dia ou até mais! O gato é um caçador por natureza, ele poupa suas energias para a hora da caça. Portanto, se não está dormindo está caçando e como nossos gatinhos domésticos não precisam caçar eles vão dormir! Cabe a você estimulá-lo com brincadeiras que mimetizem uma caça.

 

Sei que esse é um assunto polêmico e gera discussões, estou expressando minha opinião como veterinária e dona de gatos. Já pensei que seria melhor deixar o gato dar suas “saidinhas” até que perdi o meu. Existem aquelas pessoas que acham que vale mais a pena uma curta vida de liberdade que uma longa em cativeiro.

Eu acho que vale mais uma longa vida com qualidade! E é sobre essa qualidade que vamos voltar a falar!

 

Por isso no próximo artigo vou falar sobre enriquecimento ambiental. Você sabe o que é?

Pra adiantar um pouco o assunto, e de forma bem resumida, o enriquecimento ambiental é a adição de fatores que vai promover ao gato atividades que o levam ao bem estar seja físico, comportamental ou fisiológico. Resumindo é o que podemos mudar ou adicionar em nossa casa para torná-la mais confortável e interessante aos felinos!

 

É possível sim ter gatos felizes dentro de casa!

 

Até a próxima!

 

 

Por: Dra. Vanessa Zimbres

CRMV/SP 19.672

Médica Veterinária Especializada em Gatos.

 

www.gatoegenteboa.com.br

 

Share on Twitter
Please reload